Antes de dar início a mais uma aventura gastronômica, gostaria aqui de expressar minha extrema gratidão aos amigos que tornaram mais feliz e terno o nosso carnaval, dando extremo amor, carinho e atenção a minha filhota Nalu. Sei que amigos nem sempre estão juntos, mas sempre estão presentes; portanto eu, Ana e Nalu mandamos um beijo para os tios Mário, Mourão, Sérgio Arume, Gaspar, Marquinho, Agnaldo e as tias Rosângela, Neide, Bia, Tereza Arume e Fernanda.

Nossa viajem gastronômica vai nos levar hoje ao Lá Bistrô. Assunto, se não me engano, abordado no 4º número dessa

coluna. Então, porque estaria eu falando de novo? Porque o “Lá” fechou e se mudou. Se antes poucas pessoas íam no “Lá” porque ficava muito distante, na estrada das Furnas, lá dentro de Secretário, agora o “Lá” fica bem na chegada de Secretário, precisamente a 1 km do centrinho. Então, vamos Lá!

A dupla Marcelo e Bebeto manteve a ideia original de requinte e charme/ despojamento. O novo “Lá” é elegante, charmoso e despojado. Agora na estrada que dá acesso a Secretário, bem na entrada do hotel Terracota. Um charmoso galpão transformado em um arejado restaurante e cercado de muito verde. Amplo, com mesas dispostas entre sofás e cadeiras de design. Aberto há uns 45 dias, escolhemos o último dia de fevereiro, sábado iluminado por uma bela lua e fresquinho, para um calorento verão, para irmos jantar. Dessa vez, além da minha já famosa equipe, convidamos um casal amigo, Eduardo e Sílvia Andrea. A recepção carinhosa e atenciosa feita pelo Marcelo já nos coloca à vontade para curtir o lugar. Esperamos 10 minutinhos e nossa mesa estava pronta. O serviço continua o mesmo: menu enxuto. O Cheff Bebeto usa sempre os menus sugeridos com entrada+prato+sobremesa, mas também pode-se pedir em separado. Bebidinhas diversas, mas vale lembrar que se quiser vinho leve o seu e o restaurante cobra a rolha. Pedimos o filé suíno com damasco e arroz selvagem e a Sílvia pediu filé com couscus marroquino: todos maravilhosos e bem apresentados. Ainda de entrada, pedi a clássica salada La, divina, e Ana pediu um creme de tomates e ervas muito bom. A sobremesa fala por si própria: uma torta gelada de frutas vermelhas maravilhosa. Ainda vale lembrar que o surpreendente sorvete de quindim com coco torrado ainda faz parte do cardápio. Jantar sereno, clima agradável, a temperatura era de 19 graus, isto em pleno verão do Rio de Janeiro. Boa conversa. Típico jantar no Lá Bistrô. Vamos voltar para almoçar, pois, às vezes, a percepção muda completamente.

Amigo, esta é uma boa opção para passear e almoçar.