Os machistas de plantão certamente tem centenas de piadas prontas. A verdade é que a condição de ser bom ou mal motorista independe do sexo.

Todavia, pesquisas revelam que mulheres estão bem menos envolvidas em acidentes fatais. A explicação?

Mulheres são mais cautelosas, respeitam mais as regras de trânsito, são mais ponderadas de uma forma geral. Se levam uma “fechada” não vão atrás para retrucar. Para o homem o carro é sinônimo de poder, ele usa o veículo para se autoafirmar e acaba sendo mais imprudente.

Até pouco tempo atrás, oficinas mecânicas eram um território exclusivamente masculino, em que se exibiam mulheres nuas nas paredes: lugar sujo com peças velhas, pneus entulhados ao fundo e sem nenhum conforto.

Esse cenário foi mudando e aos poucos dando lugar aos Auto Centers modernos, com aspecto limpo, organizado, com ambientes confortáveis e buscando mais tecnologia avançada.

Em virtude disso, esses ambientes se tornaram mais familiares e o público feminino aumentou consideravelmente. As mulheres já somam 40% deste público.

Essa mudança no perfil de público está incentivando cada vez mais o ramo automotivo a se adequar e se tornar mais receptivo e agradável.

Os serviços mais procurados pelas mulheres são: sistema de freios, suspensão e itens de segurança, entre outros.

Hoje, a Ponto Auto Peças e Serviços, mais do que nunca, tenta atingir todos os públicos, com respeito e transparência, não havendo desigualdade no tratamento, uma vez que tem aumentado muito o número de mulheres condutoras do veículo da família.